FELIPPIN, Anna Luisa

Palavras- Chave: Pesquisa, Método, Procedimentos, Objetivos.

INTRODUÇÃO

Este trabalho busca compreender os tipos de pesquisa, partindo da análise do material disponibilizado. A análise deste trabalho busca compreender primeiramente o que é pesquisa bibliográfica , esta é realizada mediante o levantamento de referências teóricas já analisadas, e publicadas por meios de escritos ou eletrônicos, como livros, artigos científicos , paginas da web sites. Segundo Gil (2008), “[…] a pesquisa bibliográfica é desenvolvida com base em material já elaborado, constituído principalmente de livros e artigos científicos”.
Entre todos as metodologia existente a bibliográfica se faz pressente em todos os trabalhos, pois possibilita ao pesquisador ter uma noção do conhecimento construído mediante pesquisa ou estudo de outra pessoa. Algumas pesquisas cientificas fundamentam-se exclusivamente no trabalho bibliográfico, com finalidade de procurar nas referências já publicadas caminhos para construir um novo saber fundamentado em informações e conhecimentos prévio sobre o tema e problema que busca compreender mediante resposta cientifica .
Outro tipo de pesquisa de fundamental importância no meio acadêmico é a pesquisa documental, esta tem uma semelhança com a pesquisa bibliográfica , uma vez que debruça se em cima de material que não analisados, cabendo ao pesquisador fazer o sua destas informações contidas em documentos conforme o interesse de seu trabalho , realizando ele (pesquisador) uma análise, como também pode o pesquisador trabalhar com dados já analisados , não sendo capaz estes documentos de receber outras interpretações diferentes das que já foram divulgadas.
A pesquisa experimental, esta fundamenta-se por manipular diretamente as variáveis relacionadas com o objeto de estudo, interferindo diretamente na realidade, manipulando as variável independente a fim conhecer e observar , dizendo de que modo ou por que causas os fenômeno é produzido.
Já a pesquisa que busca o levantamento, fundamenta-se no interrogação direta das pessoas que tem por finalidade descrever a distribuição das características ou de fenômenos que acontecem de forma natural em grupos da população. Ou seja, descreve as características de um grupo de pessoas. Ou se o dado apresentado no levantamento é característica determinada dos sujeitos , mas pode-se perceber que ela é apenas descritiva.
Uma dos métodos mais importante das pesquisas cientificas é a pesquisa de campo, procede da observação dos fatos e dos fenômenos exatamente como eles ocorrem, e realiza a coleta de dados referente aos mesmo e realiza uma análise e interpretação dos dados com base numa fundamentação teórica.
Tendo como objetivo compreender e explicar o problema pesquisado, a pesquisa de campo esta ligada diretamente a todas áreas do conhecimento, é realizada obedecendo regras, e técnicas de coletas de dados apropriada ao tema observado e pesquisado no campo da prática da pesquisa, sendo classificada como uma abordagem qualitativa ou quantitativa.
O estudo de caso, fundamenta-se em uma pesquisa sobre um determinado foco, no individuo, família ou grupo , podendo este estudo ter como objeto. Para Gil (2008) a pesquisa de campo “consiste no estudo profundo e exaustivo de um ou poucos objetos, de maneira que permita seu amplo e detalhado conhecimento”.
Podendo este ser caracterizado como um dos mais importantes métodos de pesquisa qualitativa, mas é necessário compreender que os dados levantados somente terão validade para o caso que se estuda. Mas este tipo de pesquisa permite fornecer o conhecimento sobre uma ótica aprofundado de uma realidade delimitada, que os resultados permitam na formulação das hipóteses. Podendo este tipo de pesquisa ser organizada mediante, uma questão de estudo, suas proposições, sua unidade de análise, e os critérios utilizados para a interpretação dos dados coletados.
Pesquisa ação, é um tipo de pesquisa de cunho social que apresenta como base empírica, que é realizada em estreita relação com a ação ou resolução de um problema, no qual os pesquisadores ou participantes estão envolvidos de forma cooperativo ou participativo. Tendo como abordagem qualitativa, onde os problemas da pesquisa são orientados pela ação, sendo também de base social e empírica.
A estrutura desta pesquisa deve partir de um planejamento, que define como contexto da pesquisa, diagnosticar a situação, e definir o tema e os interessados, delimitando os problemas, e definindo os critérios de avaliação.
As pesquisas podem ter como métodos os objetivos e os procedimentos que irão permitir o desenvolvimento das mesmas. Sendo exploratória parte da definição e das modificações dos conceitos e das ideias, partindo da construção de formulações de problemas ou hipótese que possam ser pesquisados em estudos posteriores. As pesquisas exploratórias envolvem levantamentos bibliográficos e documental, algumas vezes entrevistas não padronizadas e estudos de caso.
As pesquisas exploratórias segundo Gil (1999, p.37):

Pesquisas exploratórias são desenvolvidas com o objetivo de proporcionar visão geral, de tipo aproximativo, acerca de determinado fato. Este tipo de pesquisa é realizado especialmente quando o tema escolhido é pouco explorado e torna-se difícil sobre ele formular hipóteses precisas e operacionalizáveis. Muitas vezes as pesquisas exploratórias constituem a primeira etapa de uma investigação mais ampla. Quando o tema escolhido é bastante genérico, tornam- se necessários seu esclarecimento e delimitação, o que exige revisão da literatura, discussão com especialistas e outros procedimentos. O produto final deste processo passa a ser um problema mais esclarecido, passível de investigação mediante procedimentos mais sistematizados.

Percebe-se desta forma a importância da pesquisa exploratória dentro da metodologia cientifica .
As pesquisas descritivas fundamentam-se na descrição das características de uma determinada população ou fenômeno, analisando as variáveis, entre as pesquisas descritivas podemos salientar aquelas que tem por objetivo realizar um estudo das característica de um grupo como separar por idade, sexo, nível de escolaridade , nível de renda entre outros dados. Para Gil, (1999, p.38)

Também são pesquisas descritivas aquelas que visam descobrir a existência de associações entre variáveis, como, por exemplo, as pesquisas eleitorais que indicam a relação entre preferência político-partidária e nível de rendimentos ou de escolaridade. Algumas pesquisas descritivas vão além da simples identificação da existência de relações entre variáveis, pretendendo determinar a natureza dessa relação. Neste caso tem-se uma pesquisa descritiva que se aproxima da explicativa.

Este tipo de pesquisa permite ao pesquisador construir uma nova visão sobre o problema e sua atuação na prática.

METODOLOGIA E/OU MATERIAL E MÉTODOS

Este trabalho fundamentou-se numa pesquisa bibliográfica fazendo análise e interpretação dos temas segundo material disponibilizado na disciplina e perante livros de Antonio Carlos Gil, sobre Métodos e Técnicas de Pesquisa Social. que fundamentaram este trabalho

RESULTADOS E DISCUSSÕES

Os resultados deste trabalho, podem ser considerado parciais, pois estando no decorrer do curso, os resultados do processo de aprendizagem ainda não é final, mas este trabalho permitiu compreender os objetivos do trabalho que é conhecer os tipos de pesquisas, a importância das pesquisas em apresentar os resultados como fruto dos dados coletados, os alcances e os objetivos fundamentados na análise dos métodos de pesquisa estudado na disciplina.
Desta forma o resultado do trabalho é considerado satisfatório, uma vez que a construção do conhecimento, somente ocorre mediante pesquisa, empenho e mediação do saber construído com o trabalho.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

As regras para a construção de uma pesquisa fundamentada dentro das normas cientificas , permite ao aluno comunicar-se de forma correta, estruturando seu pensamento, e a forma como desenvolve seu trabalho acadêmico.
O método quando presente juntamente com suas técnicas de trabalho permite ao pesquisador, construir hábitos e posturas distintas. Permitindo a conscientização da necessidade da validade cientifica construída mediante o estudo da disciplina metodologia de pesquisa.
Que permitiu mediante este trabalho conhecer as técnicas e regras definindo de forma clara as formas de trabalho apresentados , fundamentando regras que auxiliam na formulação de um método. Desta forma concluo de forma positiva este trabalho

REFERÊNCIAS BIBLIOGRAFICAS

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisas. São Paulo: Atlas, 2002.
_________. Métodos e técnicas de pesquisa social. São Paulo: Atlas, 1999.
_________. Técnicas de pesquisa: planejamento e execução de pesquisas, amostragens e técnicas, elaborações, análise e interpretação de dados. São Paulo: Atlas, 1999.